Haja óleo de peroba..,

Lula ouve o aviso em forma de choro: até um bebê de colo sabe que oportunismo tem limite

Velório de Eduardo Campos - PE

Os políticos presentes ao velório de Eduardo Campos cumprimentaram com sobriedade a viúva, sussurraram duas ou três palavras de consolo a algum parente que estivesse por perto e saíram do foco das câmeras. Os limites da circunspecção foram respeitados por todos ─ com uma única e previsível exceção. Lula, vaiado na chegada, não perdeu a chance de produzir uma imagem que sugerisse um alto grau de intimidade (que nunca existiu) com a família do morto.
Ao topar com Renata Campos, o palanque ambulante capturou o caçula Miguel, até então posto em sossego nos braços da mãe, e posou para os fotógrafos beijando a testa do garotinho de sete meses. O truque eleitoreiro resultaria numa cena e tanto se o pequeno coadjuvante não tivesse rasgado o roteiro: assim que foi levantado por Lula, Miguel caiu no choro. Até bebê de colo sabe que oportunismo tem limite.
http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/direto-ao-ponto/lula-ouve-o-aviso-em-forma-de-choro-ate-um-bebe-de-colo-sabe-que-oportunismo-tem-limite/

Comentários

Postagens mais visitadas