O que são wearables?

Acompanhando os lançamentos e novidades do mundo da tecnologia, provavelmente você já se deparou com o termo “relógios inteligentes” ou leu sobre “dispositivos vestíveis”. Agregando tecnologias de ponta e praticidade em um formato compacto, wearables do tipo vêm ganhando espaço no mercado e são vistos como tendência futura por muitas fabricantes.
Seja na forma de relógios, pulseiras ou até mesmo óculos de realidade virtual, esses aparelhos evoluem rapidamente e estão cada vez mais acessíveis ao grande público. Assim como acontece atualmente com os smartphones, não deve demorar muito tempo até que eles se tornem uma parte integral da vida de muitas pessoas.

O que são wearables?

mbora o termo wearable já dê pistas de como funciona um dispositivo do tipo, a nomenclatura não conta todos os detalhes. A tecnologia em questão não somente pode ser usada como uma peça de roupa ou um acessório, como também tem que possuir características que a conectem a outros aparelhos ou à internet.
Em outras palavras, aquele fone de ouvido de última linha ou um relógio digital não necessariamente são wearables — embora eles também possam se encaixar na categoria. A geração mais recente de gadgets é conhecida por trazer uma série de sensores que ajudam a aumentar sua organização, incentivar a prática de exercícios ou acompanhar programas de perda de peso, entre outras possibilidades.

Wearables na sua vida

Embora a definição de wearables seja bastante ampla, incorporando desde jaquetas inteligentes até colares com alguma espécie de conectividade, suas encarnações mais conhecidas são as smartbands e os smartwatches. Trabalhando muitas vezes de forma integrada com smartphones, dispositivos do tipo são especialmente atraentes para quem deseja levar uma vida mais ativa.

Acompanhando os lançamentos e novidades do mundo da tecnologia, provavelmente você já se deparou com o termo “relógios inteligentes” ou leu sobre “dispositivos vestíveis”. Agregando tecnologias de ponta e praticidade em um formato compacto, wearables do tipo vêm ganhando espaço no mercado e são vistos como tendência futura por muitas fabricantes.
Seja na forma de relógios, pulseiras ou até mesmo óculos de realidade virtual, esses aparelhos evoluem rapidamente e estão cada vez mais acessíveis ao grande público. Assim como acontece atualmente com os smartphones, não deve demorar muito tempo até que eles se tornem uma parte integral da vida de muitas pessoas.


O que são wearables?

mbora o termo wearable já dê pistas de como funciona um dispositivo do tipo, a nomenclatura não conta todos os detalhes. A tecnologia em questão não somente pode ser usada como uma peça de roupa ou um acessório, como também tem que possuir características que a conectem a outros aparelhos ou à internet.
Em outras palavras, aquele fone de ouvido de última linha ou um relógio digital não necessariamente são wearables — embora eles também possam se encaixar na categoria. A geração mais recente de gadgets é conhecida por trazer uma série de sensores que ajudam a aumentar sua organização, incentivar a prática de exercícios ou acompanhar programas de perda de peso, entre outras possibilidades.

Wearables na sua vida


Embora a definição de wearables seja bastante ampla, incorporando desde jaquetas inteligentes até colares com alguma espécie de conectividade, suas encarnações mais conhecidas são as smartbands e os smartwatches. Trabalhando muitas vezes de forma integrada com smartphones, dispositivos do tipo são especialmente atraentes para quem deseja levar uma vida mais ativa.

A matéria na íntegra:

Comentários

Postagens mais visitadas