Árbitros e jogadores foram contatados para manipularem jogos da Copa, diz Fifa

Ralf Mutschke, chefe de segurança da Fifa, em coletiva de imprensa
Ralf Mutschke, chefe de segurança da Fifa, em coletiva de imprensa
O
O chefe de segurança da Fifa, Ralf Mutschke, afirmou nesta quinta-feira que alguns árbitros e jogadores foram contatados por pessoas interessadas em manipular resultados de partidas da Copa do Mundo de 2014.

LEIA MAIS
Ronaldo vê Fifa traumatizada e pede para polícia 'descer o cacete' em vândalos
Lenda da Costa Rica sofre lesão e deve ficar fora da Copa do Mundo
Maracanã gasta milhões com amigos de governador e cartolas
Notícias, vídeos, tabela, especiais... TUDO sobre a Copa do Mundo
De acordo com Mutschke, as partidas passíveis de manipulação são aqueles com algo em jogo, como os duelos finais da fase de grupos.
"Não estamos esperando que as pessoas que manipulam viajem para o Brasil e batam na porta dos jogadores ou dos juízes, mas sabemos que alguns foram procurados", afirmou o executivo à BBC.
Mutschke, que foi policial e executivo da Interpol, afirmou que a Fifa acompanha de perto algumas seleções, mas disse que não poderia revelar quais são elas.
"Não posso falar quais são as seleções ou os grupos, mas posso dizer que a Inglaterra (grupo D, ao lado de Itália, Costa Rica e Uruguai) não está na chave de maiores riscos", declarou.
Na última terça-feira, a partida entre Nigéria - que estará na Copa do Mundo - e Escócia ficou sob suspeita por causa de uma possível manipulação de resultados. O jogo terminou 2 a 2.
Fonte: ESPN

Comentários

Postagens mais visitadas