EINSTEIN...,



Triste época! É mais fácil desintegrar um átomo do que um preconceito.

O mundo não está ameaçado pelas pessoas más, e sim por aquelas que permitem a maldade.

Duas coisas são infinitas: o universo e a estupidez humana. Mas, no que respeita ao universo, ainda não adquiri a certeza absoluta.

A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original.

A imaginação é mais importante que o conhecimento.

Não tentes ser bem sucedido, tenta antes ser um homem de valor.

Se os fatos não se encaixam na teoria, modifique os fatos.

Se, a princípio, a ideia não é absurda, então não há esperança para ela.

Temos o destino que merecemos. O nosso destino está de acordo com os nossos méritos.

Se minha Teoria da Relatividade estiver correta, a Alemanha dirá que sou alemão e a França me declarará um cidadão do mundo. Mas, se não estiver, a França dirá que sou alemão e os alemães dirão que sou judeu.

Detesto, de saída, quem é capaz de marchar em formação com prazer ao som de uma banda. Nasceu com cérebro por engano; bastava-lhe a medula espinhal.

A religião do futuro será cósmica e transcenderá um Deus pessoal, evitando os dogmas e a teologia.

Só há duas maneiras de viver a vida: a primeira é vivê-la como se os milagres não existissem. A segunda é vivê-la como se tudo fosse milagre.

A ciência sem a religião é manca, a religião sem a ciência é cega.

Se A é o sucesso, então A é igual a X mais Y mais Z. O trabalho é X; Y é o lazer; e Z é manter a boca fechada.

O único lugar onde o sucesso vem antes do trabalho é no dicionário.

*Albert Einstein nasceu na região alemã de Württemberg, na cidade de Ulm, numa família judaica.
100 físicos renomados o elegeram, em 2009, o mais memorável físico de todos os tempos.
Ulm, 14 de março de 1879 — Princeton, 18 de abril de 1955

Comentários

Postagens mais visitadas